Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/29936
Título: Parceria estratégia Brasil - França:perspectivas, convergências e divergências/Eduardo Antonio Pires Martins.
Autor(es): Martins, Eduardo Antonio Pires
Palavras-chave: assuntos militares em geral
ciência militar
355 22
E4 - TECNOLOGIA EM SISTEMA DE NAVEGAÇÃO (DGPM-305)
Tecnologia militar Brasil França
Data do documento: 2013
Editor: Rio de Janeiro:EGN:
Descrição: EGN:Orientador : Marcelo Augusto da Cunha Porto
Monografia apresentada à Escola de Guerra Naval, como requisito parcial para conclusão do Curso de Política e Estratégica Marítimas.
Inclui bibliografias
Em 23 de dezembro de 2008, os presidentes do Brasil e França por meio da assinatura de um Plano de Ação, estabelecem os termos de uma Parceria Estratégica entre os dois países. Decorrente de tal Ato diversos Acordos são estabelecidos, destacando-se dentre eles o “Acordo entre o Governo da República Federativa do Brasil e o Governo da República Francesa na Área de Submarinos”, o qual tem como essência a Transferência de Tecnologia em projeto de submarinos. O exame das questões relativas à Transferência de Tecnologia e seus efeitos decorrentes, conduzem à inevitável interdependência entre Ciência, Tecnologia e Defesa, as quais formam um ciclo virtuoso e indissociável, gerando a necessidade de uma Base Logística de Defesa para suportar o objeto do Acordo. Esta Base assume relevância por ser necessária a assimilar parte do processo de transferência de tecnologia previsto. A obtenção desta Transferência de Tecnologia pode ocorrer por meio dos modelos de importação ou transferência, sendo este um importante diferencial a ser observado de modo a evitar a atual dependência externa de tecnologia observada na manutenção dos submarinos atualmente operados pela Marinha do Brasil. O estabelecimento de Indicadores de Transferência de Tecnologia permitirá avaliar o alcance do objeto principal do Acordo e o sucesso no projeto em questão.
On 23 December 2008 , the presidents of Brazil and France through the signing of an Action Plan , setting out the terms of a strategic partnership between the two countries . Arising from this Act various agreements are established , outstanding amon
Abstract: On 23 December 2008 , the presidents of Brazil and France through the signing of an Action Plan , setting out the terms of a strategic partnership between the two countries . Arising from this Act various agreements are established , outstanding among them the " Agreement between the Government of the Federative Republic of Brazil and the Government of the French Republic in the area of Submarines ", which has the essence of the Technology Transfer project in submarines . The examination of issues relating to technology transfer and its effects , leading to the inevitable interdependence between science, technology and defense , which form a virtuous cycle and inseparable , creating the need for a Logistics Base Defense to support the object of the Agreement . This basis is relevant because it is necessary to assimilate part of the process of technology transfer provided . The achievement of this technology transfer can occur through the transfer or import models , and this is an important difference to be observed in order to avoid the current dependence on foreign technology observed in the maintenance of submarines currently operated by the Brazilian Navy . Establishing Indicators of Technology Transfer will evaluate the Range object's Main Agreement and success in the project in question.
URI: http://www.redebim.dphdm.mar.mil.br:8080/pergamumweb/vinculos/000013/0000133e.pdf
http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/29936
Aparece nas coleções:Defesa Nacional: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso
Estudos Militares: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
0000133e.pdf1,41 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.