Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/451445
Título: Novas tecnologias para prevenção da poluição no meio ambiente marítimo
Orientador(es): Rodrigues, Marco Aurélio Faial
Autor(es): Neves, Gustavo de Carvalho Pinheiro das
Palavras-chave: Poluição de água
Poluição hídrica
Poluição marítima
Poluição - Prevenção
Data do documento: 2015
Editor: Centro de Instrução Almirante Graça Aranha (CIAGA)
Descrição: A navegação e o uso de meios de transporte que permitam esta atividade são considerados mais que ocupações, tradições do ser humano. Naturalmente e à medida das necessidades de um mundo cada vez mais conectado através do mar, a demanda por embarcações mais modernas e potentes aumentou gradativamente. Desde então, a eficiência energética destas embarcações foi prioridade. Contudo, recentemente a sociedade começou a se preocupar com até onde os possíveis danos ambientais causados por essa atividade podem ser ignorados em prol da eficiência destes navios. Esta preocupação impulsionou a criação de novas tecnologias desenvolvidas para reduzir a possibilidade de acidentes envolvendo a poluição marítima diretamente relacionada à atividade mercante. Neste trabalho, serão expostas algumas tecnologias que utilizam combustíveis alternativos ecologicamente corretos, equipamentos para o controle de situações de risco de poluição, ou mesmo sistemas capazes de reduzir a emissão de certos poluentes tradicionalmente emitidos nestas operações. Ao aplicar a energia eólica esolar em embarcações mercantes, foi possível observar que ambas atuam como uma fonte de energia complementar à tradicional, pois atualmente ainda carecem de tecnologia para suprir todas as necessidades de um navio. Vale ressaltar que estas alternativas para a prevenção da poluição deste meio ambiente são apenas sugestões, e cabe às empresas envolvidas na atividade marítima o zelo pelos recursos naturais cada dia tão mais escassos quanto necessários para toda a população mundial, atentando para o emprego de qualquer avanço e ferramenta que puder ser utilizada para este fim.
Abstract: The navigation and the use of transport facilities that allows this activity are considered more than simple occupations, human traditions. Naturally and following the necessities of a world each day more connected through sea, the demand for more modern and potent vessels have risen gradually. Since then, the energetic efficiency related to these vessels was the priority. However, the society recently began to worry about until when the possible environmental damages caused by this activity can be ignored in favor of its efficiency. This kind of concern has boosted the creation of new technologies developed to reduce the possibility of accidents involving maritime pollution directly related to the merchant activity. At this paper, it will be exposed some technologies that utilize alternative eco-friendly fuel, equipments used to control situations that presents risk of pollution or even systems that are capable to reduce the emission of certain pollutants traditionally emitted at this kind of operation. Applying eolic and solar energy in Merchant ships, it was possible to observe that both act as an auxiliary source of energy, complementary to the tradicional ones, because nowadays they still need technology to fill all the needs of a vessel. It is noteworthy that those alternatives for the prevention of this environment’s pollutionare just suggestions, and its up to the enterprises involved at the maritime activity to zeal for our natural resources, each day as more scarce as necessary for the whole worldwide population, attempting for the use of any improvement and tool that can be utilized for this objective.
URI: http://www.redebim.dphdm.mar.mil.br/vinculos/00000b/00000b8e.pdf
http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/451445
Aparece nas coleções:Sem título

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
00000b8e.pdf715,09 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.