Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843413
Título: Motivação profissional militar e a grande evasão de jovens oficiais nos tempos atuais
Orientador(es): Moreira, Nilson da Silva
Autor(es): Costa Filho, Newton Almeida
Palavras-chave: P2 - GESTÃO DE PESSOAL MILITAR (DGPM-305)
Carreira militar
Evasão militar
Geração Y
Motivação
Data do documento: 2016
Editor: Escola de Guerra Naval (EGN)
Descrição: A gestão de pessoas é um constante desafio para as organiz ações, especialmente quando en- volvem jovens providos de conhecimentos, que em vários estudos são cham ados de talentos. Dentro desse universo encontramos os oficiais dos Corpos da Armada e de Intendentes, for- mados pela Escola Naval, cujos índices de evasão ocorridos nos últ imos cinco anos apresenta- ram aumentos significativos, quando comparados com a média dos últimos dez anos. A eva- são desses oficiais significa a perda de um grande investime nto, em um momento, no qual a Marinha do Brasil, seguindo a Estratégia Nacional de Defesa, prevê mudanças que contem- plam aumentos de tarefas e, consequentemente, de pessoas com qual ificação para condução e execução dos novos projetos. Os desafios são constituídos pela identifi cação dos fatores moti- vacionais e higiênicos correlacionados aos motivos que afetam as te ndências dos índices de evasão e aqueles que possam contribuir para o aumento da retenç ão. Os jovens oficiais em sua maioria estão inseridos na faixa e tária que integra a geração “Y”, detentora de características próprias, que nasceram e foram criados na era da informação. São os frutos de um mundo virtual, repleto de mudanças, globalizado, envolto por comunicação de alta tecnologia, por onde trafegam dados com velocidades impressi onantes, levando a infor- mação e o conhecimento a qualquer parte do mundo em tempo real. Seguindo os novos conceitos de gestão de pessoas foi realizada uma pesquisa de campo, com aplicação de questionários de desligamento no grupo alvo de tenentes que deixaram o serviço ativo da Marinha nos últimos cinco anos. Foram identificados os princi pais fatores positivos, de atração e retenção, e fatores negativos, de insatisfaçã o e evasão, assim como as melhorias sugeridas. Com base nos resultados da pesquisa foram realizadas correlações com: o compor- tamento, os problemas e as possíveis soluções apresentadas nos estudos sobre a geração “Y”; e os processos e métodos preconizados na gestão de pessoas. Final mente foram apresentadas como possíveis ações para adoção pela Marinha, dentro das lim itações impostas pela legisla- ção, cultura e tradição da instituição, as seguintes propostas: o aprimoramento do recrutamen- to e da eficiência do processo seletivo, não só na captação, m as ao longo de todo o período de formação; o investimento maciço na disseminação teórica e prá tica dos preceitos de liderança em todos os níveis da instituição, com a implementação do acompanh amento e da tutoria dos tenentes, de forma mais próxima e de maneira enfática à transmissão e fixação de valores; e o fortalecimento da comunicação interna entre a instituição e os seus oficiais.
Abstract: The management of people is a constant challenge for organizati ons, especially when involv- ing young people endowed with knowledge, that several studies call ta lents. Within that un- iverse are the officers who graduated in “Escola Naval” of bot h the Navy and Supply Offic- er’s Corps, whose dropout rates in the last five years showed s ignificant increases when com- pared to the average of the last ten years. The evasion of those officers represents the loss of a large investment at a time in which the Brazilian Navy, f ollowing the National Defense Strat- egy, expects changes that include increasement in jobs and, c onsequently, people with skills to conduct and execute of new projects. The challenges are ide ntifying motivational factors and hygiene reasons related to the trends that affect rates of evasion and those which can con- tribute to increased retention. The young officers are mostly inserted in the age group that include s the generation "Y", which held its own characteristics, being born and raised in the inf ormation era. They are the sons of a virtual world, full of changes, globalized, surrounded by hi gh-tech communication, where data travels with impressive speed, leading to informati on and knowledge to any part of the world in real time. Following the new concepts of people’s management, it has been ca rried out a field research, with the application of dropout questionnaires in the targeting group of l ieutenants who left the active Navy duty in the last five years. The main positi ve factors of attraction and reten- tion were identified, and negative factors of dissatisfacti on and avoidance, as well as the im- provements suggested. Based on the survey’s results we were abl e to relate the following: the behavior, problems and possible solutions presented in studies on the ge neration "Y", and the processes and methods advocated in the people’s management. Finally , possible actions were presented to be adopted by the Navy within the limitations imposed by l aws, culture and tradi- tion of the institution, the following proposals being: improving the efficiency of recruitment and selection process, not only in the draft itself, but throughout the period of training, the massive investment in the spread of theoretical and practical pr inciples of leadership at all levels of the institution, with the implementation of monitoring and tutoring the lieutenants, so close and so emphatically, and fixing the transmission of values, and strengthening the inter- nal communication between the institution and its officers.
URI: http://www.redebim.dphdm.mar.mil.br:8080/pergamumweb/vinculos/000013/000013c5.pdf
http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/843413
Aparece nas coleções:Pessoal: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
000013c5.pdf1,58 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.