Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/844205
Título: Medicina operativa: perspectivas: a evolução da medicina operativa na Marinha do Brasil e a simulação virtual
Autor(es): Ramos, Vicente Garcia
Palavras-chave: Q6 - MEDICINA (DGPM-305)
Hospitais de campanha
Medicina militar
Medicina operativa
Serviço de saúde militar
Data do documento: 2018
Editor: Escola de Guerra Naval (EGN)
Descrição: Apresentada à Escola de Guerra Naval, como requisito parcial para a conclusão do Curso de Política e Estratégia Marítimas.
Inclui bibliografias.
Das tendas, nas guerras romanas, e das barracas utilizadas nas grandes guerras, às atuais barracas dos Hospitais de Campanha, com facilidades impensáveis à época das grandes guerras, como climatização e pressão positiva, assim como, também, no uso de novas soluções a partir de containers. Tal evolução chega, também, ao treinamento médico, em que os graves traumas, que exigem uma rápida e eficiente resposta, em ambientes de intenso stress, somente pode ser obtida, após intenso treinamento, em que o tempo, e a padronização dos procedimentos, ao longo de toda a cadeia de evacuação, serão essenciais. Nesse sentido, a Simulação Médica Realista, se apresenta como uma promissora resposta, em apoio a capacitação das equipes médicas. Ainda mais, quando a atual legislação restringe o uso de animais no treinamento de procedimentos médicos, e em que o “aprender fazendo” não é mais tolerado na maioria dos países desenvolvidos. Em outro viés, a maior divulgação da ocorrência de erros médicos tem gerado pressão da sociedade para o aperfeiçoamento do ensino médico, demandando novos recursos didáticos. Nesse contexto, assume um papel relevante, o desenvolvimento de ferramentas a partir da Simulação Realística em seus diversos níveis, a exemplo do que já é realizado em outras áreas, como na aviação. Nesse sentido são analisados os benefícios didáticos, a partir da Simulação, no âmbito da medicina operativa.
Abstract: From the tents, in the Roman wars, and the tents used in the great wars, to the present huts of the Campanil e Hospitals, with facilities unthinkable at the time of the great wars, such as air conditioning and positive pressure, as well as, also, in the use of new solutions from of containers. Such evolution also arrives at medical training, where severe trauma, which requires a rapid and efficient response in environments of intense stress, can only be obtained, after intensive training, where time, and standardization of procedures, throughout the chain of evacuation, will be essential. In this sense, the Realis tic Medical Simulation presents itself as a promising response, in support of the training of medical teams. Further, when current legislation restricts the use of animals in the training of medical procedures, and where "learning by doing" is no longer to lerated in most developed countries. In another bias, the greater dissemination of the occurrence of medical errors has generated pressure from society for the improvement of medical education, demanding new didactic resources. In this context, the develop ment of tools based on Realistic Simulation at its various levels, like what is already done in other areas, such as aviation, in this sense are analyzed the didactic benefits, from the Simulation, in the field of operative medicine.
URI: http://www.redebim.dphdm.mar.mil.br/vinculos/00001c/00001cc9.pdf
http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/844205
Aparece nas coleções:Saúde: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Cursos

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.