Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/844455
Título: Uma proposta estratégica ao poder naval na Amazônia Ocidental
Orientador(es): Abreu, Victor Sousa
Autor(es): Barreira, Márcio Rossini Batista
Palavras-chave: H3-Política e estratégia (DGPM 305)
Amazônia Ocidental
Operações Ribeirinhas
Poder naval
Data do documento: 2019
Editor: Escola de Guerra Naval (EGN)
Descrição: A Amazônia, por despertar interesses externos, foi considerada uma área vital pelos portugueses, adotando ações políticas e estratégicas a partir do século XVII, que permitiram a preservação de sua dimensão territorial. Ao ser herdada pelos brasileiros, esta vasta região continuou despertando curiosidades e interesses por dispor de uma exuberante floresta tropical, uma malha fluvial extraordinária e outros potenciais econômicos, que possibilitaram a obtenção de riquezas e o desenvolvimento modesto da região. Nesse contexto, a porção amazônica ocidental destacou-se em função de ser um dos últimos eldorados mundiais, dispor do maior potencial de biodiversidade e de água doce do planeta terra, além de possuir a maior faixa de fronteira terrestre brasileira, dentro de um ambiente eminentemente fluvial. Tendo como base as questões de segurança e defesa, constata-se a necessidade de formulação de uma estratégia naval apropriada para região, em que o Poder Naval terá papel protagonista perante qualquer ameaça ou desafio no cenário ribeirinho em lide. Diante do panorama apresentado, estes pontos constituíram o tema principal para a metodologia adotada e pesquisas bibliográfica e documental, com a finalidade de propor uma estratégia naval para a região em questão. Dessa forma, buscou-se limitar a abordagem à Amazônia Ocidental, em virtude da sua importância socioeconômica valorizada pela ampla rede hidroviária disponível, que poderia ser influenciada pela presença de ameaças diversas. Assim, as possíveis ameaças à região foram identificadas e agrupadas nos campos interno e internacional, além de suas capacidades de influenciar na região, à luz das considerações históricas, dos estudos teóricos sobre segurança e defesa e da análise dos documentos de defesa de alto nível nacionais. Também foram identificadas as áreas estratégicas, onde as infraestruturas e regiões localizadas nas margens dos rios possibilitaram alavancar, economicamente, a região pela utilização destas vias fluviais. As faixas de fronteiras e os vazios demográficos da Amazônia Ocidental foram identificados, também, como áreas estratégicas. Por fim, as contribuições para proposta da estratégia naval consideraram a operação ribeirinha como base de preparo e emprego do Poder Naval na região, por ser a principal operação naval para o cenário ribeirinho em questão, uma vez que ela só pode ser concebida pela integração dos meios navais, aeronavais e de fuzileiros navais.
Abstract: The Amazon, for arousing external interests, was considered a vital area by the Portuguese, adopting political and strategic actions from the seventeenth century, which allowed the preservation of its territorial dimension. In being inherited by Brazilians, this vast region continued to arouse curiosities and interest in having a lush rainforest, an extraordinary river network and other economic potentials, which made it possible to obtain wealth and the modest development of the region. In this context, the western Amazonian portion stood out due to being one of the last of the world's eldorados, having the greatest biodiversity and freshwater potential of planet earth, besides having the largest strip of Brazilian land border, within an eminently riverine environment. Based on security and defense issues, there is a need to formulate an appropriate naval strategy for the region, where the Naval Power will play a leading role in the face of any threat or challenge in this riverine scenario. Given the panorama presented, these points constituted the main theme for the adopted methodology and bibliographic and documentary research, with the purpose of proposing a naval strategy for this region. Thus, this thesis sought to limit the approach to the Western Amazon, due to its socioeconomic importance valued by the wide available water network, which could be influenced by the presence of various threats. Thus, potential threats to the region were identified and grouped in the domestic and international fields, as well as their ability to influence in the region based on historical considerations, theoretical studies on security and defense, and the analysis of national high-level defense documents. Strategic areas were also identified, where the infrastructures and regions located on the river banks made it possible to economically leverage the region through the use of these waterways. Western Amazonian border ranges and demographic gaps have also been identified as strategic areas. Finally, the contributions to the naval strategy proposal considered the riverine operation as the basis for preparation and employment of the Naval Power in this region, as it is the main naval operation for the particular scenario, as it can only be conceived by the integration of naval, naval air and marine means.
URI: http://repositorio.mar.mil.br/handle/ripcmb/844455
Aparece nas coleções:Defesa Nacional: Coleção de Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
ROSSINI.pdf1,61 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.